Livro Didático Na Ponta da Língua

Na Ponta da Língua 1º Ano

R$163,30

Autoras
Natércia Rossi, Regina Carvalho
Isbn
978-85-86575-46-1
Peso
511 g
Edição
2010
Dimensões
21.00 x 28.00 cm
Páginas
179

Em estoque

Descrição do produto

Coleção: NA PONTA DA LÍNGUA

A estrutura do livro

As unidades desenvolvidas em todos os volumes da coleção são compostas por três seções: Lendo o texto; Produzindo o texto e Relacionando textos.

I- Lendo o texto

a) Leitura e interpretação
Por sua natureza, o livro didático não pode fugir ao impasse da fragmentação de uma obra. Ao selecionarmos trechos de um livro ou artigo, corremos sempre o risco de perdermos a noção do todo que cada autor construiu. Por isso, sugerimos que, sempre que possível, o professor apresente a obra completa, ou parte significativa dela, suprindo, desta maneira, um pouco da limitação imposta.
Diversificamos os tipos de linguagem, selecionando textos verbais e não verbais. Fugindo à tradição de trabalhar apenas textos literários, tivemos o cuidado de variar essa seleção, apresentando poemas, prosa literária, prosa informativa e textos funcionais.

As questões formuladas sobre cada texto levam em consideração a compreensão, a interpretação e a visão crítica do tema apresentado. As perguntas de opinião crítica deverão gerar debates em sala, estimulando a linguagem oral. Assim, a exploração do tema apresentado se dá em três níveis:
• nível superficial: identificar os elementos evidentes do texto;
• nível intermediário: inferir informações subentendidas no texto;
• nível profundo: estabelecer relações intertextuais a partir dos elementos não explícitos do texto.
Na exploração dos textos narrativos conduzimos o olhar do aluno à percepção mais profunda dos elementos da narrativa: tempo, espaço, narrador, personagem, fato narrado.

b) Vocabulário
A exploração do vocabulário é sempre a primeira abordagem do texto, pois amplia as possibilidades de sua compreensão. Nós nos preocupamos ainda em variar os enunciados, além de trabalhar frequentemente com o significado das expressões, frases e até parágrafos. A polissemia é amplamente explorada sempre que o texto possibilita esse tipo de abordagem do vocabulário.
O uso do dicionário é introduzido gradativamente, até chegar à análise da apresentação de uma página e seus verbetes. O objetivo é fazer o aluno criar intimidade com esse instrumento.

c) Gramática
A gramática da Língua Portuguesa é enfocada como estrutura de apoio do texto, por isso mesmo, ela não constitui um item destacado, está contida na própria leitura. Assim, é mais importante que o aluno perceba a estrutura da língua em processo do que por meio de nomenclaturas e regras estáticas.
Sugerimos os seguintes passos para o estudo de cada aspecto gramatical:
• observação do modelo;
• construção de modelo semelhante;
• elaboração do conceito;
• atribuição de nomenclatura.

Até o 5º ano, todo o conteúdo gramatical normalmente trabalhado no 1º segmento do ensino fundamental é concluído, tendo percorrido os passos citados acima.

II- Produzindo textos

Do mesmo modo que variamos os tipos de textos apresentados, variamos também as propostas de produção, levando o aluno a escrever em prosa, em verso, com linguagem conotativa e denotativa.

Ressaltamos mais uma vez que as atividades de expressão oral devem preceder às de leitura e produção do texto. Gradativamente, o desempenho na expressão escrita da língua será aprimorado, levando em conta as conquistas feitas no trabalho oral.

Fugimos da tradicional divisão da redação escolar – narração, descrição, etc. – porque entendemos que esses aspectos aparecem naturalmente nos diversos textos e não precisam ser “estudados” como compartimentos estanques.
Introduzimos propostas de transformação da linguagem, ampliando o trabalho com diferentes gêneros textuais: cartaz em notícia, lista em conto, conto em notícia de jornal, diagrama em narração. Ao analisar a organização interna do texto e modificá-la, o aluno assume a produção consciente.

III- Relacionando os textos

Nesta seção, colocamos alguns textos “frente a frente”, relacionando-os quanto ao tema e à linguagem. Esse tipo de confronto aumenta a competência do aluno, ampliando sua percepção textual. Ele pode assim, aprender de maneira mais completa o sentido dos textos, alargando sua visão de mundo.

Primeiro Ano

Este volume é composto por um conjunto de atividades destinadas às classes de alfabetização sempre apoiadas em texto verbal e não verbal, pois entendemos que o ensino da língua só será eficaz se tiver como unidade básica o texto.
Não tivemos a pretensão de apresentar um novo método de alfabetização. O que aqui está são atividades que vão auxiliar no processo de letramento.

As unidades foram organizadas, observando uma sequência de fonemas e de grupamentos de fonemas, levando em conta a alternância FÁCIL/DIFÍCIL, evitando-se, também, a proximidade dos fonemas homorgânicos. Desse modo, pode-se também aproveitar a motivação das unidades sugeridas para selecionar palavras-chave que se tornem fios condutores do processo de alfabetização propriamente dito.

Todas as unidades têm uma motivação central que permeia os textos e os exercícios e apresentam, na maioria das vezes, mais de um texto. A numeração dos exercícios recomeça a cada texto. Ao final, há sempre um convite a pensar a e discutir. Esse fechamento tem por objetivo o desenvolvimento da linguagem oral, a ampliação do vocabulário, a fluência e a desinibição do ato de falar e a reflexão crítica dos alunos.

Informação adicional

Peso 511 g
Dimensões 21.00 x 28.00 cm
Edição

2010

Isbn

978-85-86575-46-1

Acabamento

espiral

NATÉRCIA ROSSI

Mestrado em Literatura Brasileira – UFRJ Licenciatura em Português – Literaturas – UFRJ Professora do primeiro e segundo segmentos do ensino fundamental do Município do Rio de Janeiro Professora de Língua Portuguesa e Literatura Brasileira do Colégio Santo Inácio, RJ

REGINA CARVALHO

Mestrado em Literatura Brasileira – Sorbonne – Paris III Licenciatura em Língua Portuguesa e Literatura – UERJ Professora do primeiro segmento do ensino fundamental do Estado do Rio de Janeiro Professora de Língua Portuguesa do Colégio Santo Inácio, RJ Coordenadora da equipe de Língua Portuguesa do Colégio Santo Inácio, RJ